Startups e Governo se reúnem para fortalecer a inovação tecnológica da Bahia

Secti realiza oficina para construção participativa do Startup Bahia como política pública do Governo do estado.
 

O ecossistema de startups tem encontro marcado com o Governo da Bahia para construção participativa das diretrizes do programa estadual  ‘Startup Bahia’, que vai integrar as ações de fortalecimento da inovação tecnológica do estado. A iniciativa da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) vai reunir empresas, aceleradoras, indústrias, associações, universidades, institutos, investidores e outras secretarias nesta quinta-feira (14), às 14h, no auditório do Parque Tecnológico Bahia, o Tecnocentro Bautista Vidal.

A oficina vai integrar os representantes das startups baianas, além da Associação Baiana de Startups (Abas) e hubs de empreendedorismo espalhados por todo o estado. De acordo com o assessor de Relações Institucionais da Secti, Sócrates Santana, a participação das empresas e dos demais agentes deste ecossistema será a chave para construção de uma política pública de sucesso, colocando a Bahia no centro deste debate fundamental para o desenvolvimento no contexto atual.

Os participantes serão organizados em grupos com sete eixos temáticos: talento; capital e fomento; densidade; regulação; cultura; acesso ao mercado e relações internacionais; e impacto social e diversidade. Na oportunidade, os representantes de cada empresa ou instituição vão apontar uma agenda mínima de compromissos com o Governo da Bahia, de curto, médio e longo prazos, tendo como contrapartida as políticas de fomento, articulação e comunicação do estado.

Para o chefe de Gabinete da Secti, Rodrigo Hita, do ponto de vista estratégico, esta iniciativa vai fortalecer a narrativa do governo estadual, no campo da inovação, como força motriz para o desenvolvimento das políticas públicas de fomento aos empreendimentos tecnológicos. “Não há dúvida de que a construção de uma política pública com os atores do ecossistema de inovação da Bahia será um marco para toda a sociedade baiana”, destaca.

Startup Bahia

O programa de empreendedorismo e inovação ‘Startup Bahia’ é uma nova política pública do Governo do Estado que tem a proposta de integrar as ações das diversas secretarias e órgãos envolvidos com esta temática, de forma a garantir efetividade na gestão dos recursos e potencializar e fortalecer o ecossistema baiano de inovação tecnológica. Além da Secti e da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), a nova agenda integra as Secretarias da Educação (SEC), do Planejamento (Seplan), de Comunicação Social (Secom), do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Casa Civil, da Administração (Saeb), de Desenvolvimento Econômico (SDE) e de Cultura (Secult).

Guia de Serviços Áity

Em comemoração aos cinco anos de criação do Tecnocentro Bautista Vidal, a Secti lança oficialmente, durante a oficina, a edição especial de aniversário do Guia de Serviços das Startups do Parque Tecnológico da Bahia. O Guia, elaborado pela Assessoria de Comunicação da Secti, tem como objetivo dar visibilidade aos produtos e serviços desenvolvidos com o apoio da Áity Incubadora de Empresas. Nestes cinco anos, o Parque Tecnológico da Bahia se estabeleceu como o centro de convergência dos atores que compõem o sistema estadual de CT&I, congregando os principais agentes dinamizadores voltados à geração de ideias e soluções criativas. O material também está disponível para distribuição virtual, através do site institucional (secti.ba.gov.br) ou no Issuu (issuu.com/sectibahia)