Salvador tem representante em competição internacional de startups

 

Startup Construcode foi uma das selecionadas para o Get In The Ring

Aplicativo que transforma automaticamente projetos de construção civil em etiquetas escaneáveis. A solução escolhida pela banca avaliadora da etapa brasileira do Get In The Ring foi dada pela Construcode, startup baiana com apenas um ano de existência. A empresa, com sede em Salvador, vai disputar com mais sete modelos de negócio o troféu dentro de um ringue de boxe, que será montado na sede da InvestSP, no bairro do Jaguaré, em São Paulo, no próximo dia 12.

A Construcode recebeu, recentemente, o aporte de R$200.000,00 de grupo de investidores anjos ligado ao núcleo baiano da Anjos do Brasil. “Para conseguir resultados expressivos precisávamos de soluções inovadoras. O último ano da Construcode reflete o quanto a tradicional indústria da construção precisava de soluções que maximizem sua produtividade”, destaca o diretor executivo, Diego Mendes.

Apesar de nova, a startup baiana já demonstra resultados expressivos se destacando no cenário nacional com vários reconhecimentos, inclusive como uma das oito selecionadas dentre 140 ConstruTechs inscritas no Vetor AG, programa de aceleração da Andrade Gutierrez que busca levar soluções inovadoras para as obras pelas quais é responsável.

Falando em Bahia, a organização do evento, de alcance internacional, está a cargo de uma empresa que tem duas unidades em Salvador e outra em Aracaju: o Grupo Rede Mais. Este é o segundo ano que a Rede+, referência nacional quando se trata de espaços de trabalhos inovadores e aceleração de negócios, promove a disputa, que, em 2017, aconteceu na capital baiana.

Dentro de um ringue de boxe, os representantes das oito startups farão uma breve apresentação do respectivo serviço ou produto, em inglês, para Cristiana Ancangeli, investidora no programa de TV Shark Tank Brasil; Cássio Spina, presidente da Anjos do Brasil; e João Kepler, sócio da Bossa Nova Investimentos. Em jogo, estão a oportunidade de representar o Brasil, na fase global da competição, em Portugal, no final de maio e uma série de prêmios, como mentorias, cursos, eventos e muito mais.

Quem quiser assistir ao evento deve se inscrever, deve acessar ao site getinthering.co/saopaulo. Além da competição, o Get In The Ring conta, na programação, com palestras e atrações especiais.

Conheça as outras startups finalistas:

  • Mais Alma (RJ): Primeiro marketplace brasileiro a reunir artistas e marcas nacionais que oferecem produtos feitos sob os pilares do consumo consciente e ético.
  • Biva (SP): Primeira plataforma brasileira de empréstimo coletivo (peer to peer).
  • GLR Tech (SP): Solução que produz energia extra ao mesmo tempo que filtra os poluentes de motores (diesel em geral e outros motores de combustão interna).
  • Lance Hoteis (SP): Única agência de viagens online que permite ao viajante negociar o valor da hospedagem.
  • Profes (SP): Maior plataforma de aulas particulares do Brasil.
  • UNA Smart (PR): Cafeteira inteligente e portátil com cápsulas de café biodegradáveis.
  • Zumpy (MG): Aplicativo de carona com descontos em gasolina.